Empresas e pessoas cada vez mais apostam em técnicas de monitoramento e investem na área de mídias sociais devido à grande eficiência deste meio, que não para de crescer. Assim, o mercado nessa área está alimentado com cada vez mais investimentos, além de mais demandas e ofertas de serviços a ele relacionado.

 

Esse contínuo crescimento de mídias sociais e monitoramento apontam para uma série de pontos importantes a serem observados (e aproveitados) em 2018, como veremos logo abaixo.

 

Algoritmos em evolução

As redes sociais têm, há alguns anos, investindo pesadamente para aprimorar seus algoritmos, tornando-os mais inteligentes e capazes de filtrar o que é ou não é relevante para o usuário.

 

Isso quer dizer que sites como o Facebook procuram cada vez mais desenvolver técnicas que mostre no seu feed de notícias aquilo que te interessa, e mais importante, aquilo que você tem interesse de comprar.

 

Juntamente à evolução dos algoritmos com foco nos anúncios e na relevância dos conteúdos, outro desafio se apresenta, o de descartar postagens que se utilizam da plataforma de maneira errada, com artifícios que funcionam como verdadeiras “iscas” para atrair a reação do público (é o clássico post “marque seu amigo aqui” do Facebook).

 

Mais anúncios nas redes

Certamente você reparou. Facebook, YouTube, Instagram e muitas outras redes sociais vêm adicionando cada vez mais anúncios em seus serviços, marcando uma presença crescente no feed dos usuários.

 

Isso se deve ao fato de que tal área (a de permitir anúncios e incentivá-los) foi pouco explorada no começo da década, quando o momento era de popularizar o serviço, e os anúncios poderiam ser um impeditivo.

 

Com um público consolidado, as mídias sociais tendem a liberar cada vez mais espaço em seus sites para a disponibilização de anúncios, estes mais precisos e mais direcionados do que nunca.

 

É uma oportunidade para qualquer tamanho de empresa (ou mesmo para pessoas que querem se promover!), visto que as oportunidades para anúncios de alcance restrito estão ganhando força nos últimos anos, além de se mostrarem eficientes.

 

Grandes marcas apostando e arriscando nas redes

O crescimento meteórico das redes sociais e o grande apelo desses serviços ao público jovem estão incentivando mesmo grandes marcas a tomarem passos ousados em suas formas de divulgação nesses meios de social media.

 

Na busca de uma aproximação com o público alvo, diversas marcas apostam em maneiras bastante atuais e modernas de utilizarem a linguagem e suas estratégias de publicidade e marketing.

 

Um destaque notável do ano passado que foi grande sucesso no Brasil e no mundo foi a campanha da Heineken chamada “Worlds Apart”, na qual foi realizado um experimento social que colocou cara a cara pessoas de ideologias contrastantes (de esquerda e de direita; feminista e antifeminista; etc.) e deu a elas uma tarefa para realizarem juntas. No fim das contas, a maior parte delas topou repensar seus conceitos e discutir tópicos sociais relevantes com uma Heineken na mão.

 

Prepare-se e aposte nessas tendências

Com as previsões que elencamos aqui para o ano de 2018 (e que provavelmente terá extensão nos anos seguintes), é possível que empresas e indivíduos se preparem para enfrentar as mídias sociais e, principalmente, extrair delas o melhor resultado possível.

 

Com as ferramentas e os serviços certos e com planejamento, é possível ficar na vanguarda das recentes tendências e impulsionar o desempenho de sua marca.

 

Photo by Jakob Owens on Unsplash

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *